Coloque aqui seu email para receber as novidades do blog

segunda-feira, 20 de setembro de 2010

LET`S TALK ABOUT MUSIC

Ou Discos legais para ouvir



Faz tempo que não paro para ouvir coisas novas, sou de creta forma preguiçoso para acompanhar as novidades que estão acontecendo na música. Mas um disco me chamou a atenção e vou indicar para os meus coligados vistantes desse blog

Música de macho, com uma energia de como se fosse "ao vivo". A voz dilacerada de Nasi e uma banda de primeira, passeando por diversos ritmos, além da participação bacana nos vocais de Marcelo Nova e Vanessa Krongold.
Destaque para o cover de Rockxixe e o blues Me dê Sangue.

Enfim, não há nada de original, mas um disco honesto e bom, muito bom de se ouvir.

LET`S TALK ABOUT MUSIC

Sou do tempo em que era comum rotular as pessoas pelo tipo de música que a pessoa ouvia. Tinha o "bicho-grilo" que curtia MPB, o metaleiro, o headbanger (será que é assim mesmo?) e a figura do roqueiro muito doido.

Desde sempre o rock esteve associado com a rebeldia, com o comportamento "subversivo". Chuck Berry, Jerry Lee Lewis, Hendrix, Joplin, enfim, a lista é extensa e todos vendiam a imagem de comportamento pouco usual, excessos e essa aura de rebeldia habitava no imaginário como a coisa mais próxima da liberdade. embora todos, sem exceção tinha por finalidade algo mais vil: o lucro.

Bom, as coisas mudam para permanecer como sempre foram: a música continua sendo uma eficiente máquina de fazer dinheiro e continua associada ao estilo e comportamento das pessoas. Mas hoje vivemos uma época bruta e sem o menor charme, as ilusões se perdem no caminho, devidamente remuneradas por muita, mas muita grana.

O meu objetivo aqui não e filosofar sobre "o poder da grana que ergue e destrói coisas belas", mas compartilhar com meus fiéis 4 leitores a minha tristeza e por que não dizer indignação por saber que hoje, o artista de rock que mexe com corações e mentes em escala global é uma menina: Justin Bieber

O lance não é nem esse. Uma música "mela cueca" frouxa sem nada demais... O cara é limpinho, cabelo cuidadosamente desalinhado, bem comportado, bonitinho, enfim, o filho mongolóide que toda a mãe deseja...
Esse processo de "pasteurização" parece ser inevitável para os chamados "artistas de massa". Onde colocam todo mundo no mesmo balaio, seja rock, rap, ou carnaval, a essência ( se é que isso tem essência) é a mesma, somente mudando a embalagem, com um detalhezinho aqui e ali, devidamente pesquisado e desenvolvido nos departamento de marketing nos conglomerados de entretenimento.
Deus abençoe a internet, território livre. Por enquanto.

ITACARÉ







COISAS PARA SE FAZER PELO MENOS UMA VEZ NA VIDA

Ou, vá antes que vire um loteamento
Esta certo que praia é praia em qualquer lugar: areia, ondas, barracas, coqueiros etc. Mas tem lugares que são particularmente mais bonitos que outros. E um desses lugares é Itacaré, na Bahia.
E o que poderia tornar esse lugar diferenciado? Natureza exuberante, uma cidade pequena, boa comida e pessoas receptivas e principalmente uma atmosfera de paz e tranquilidade que faz os problemas do dia a dia e reforça o pensamento que tudo pode ser muito, mas muito melhor....